Monitoramento do consumo de oxigênio mitocondrial : sensor quimioresistor para oxigênio dissolvido baseado em nanocompósito de azo polímero-grafeno

Main Authors: Olean-Oliveira, A. , Teixeira, M. S. F
Format: Documento de conferencia
Language: Castellano
Published: 2018-10-01
Subjects:
Online Access: http://bdigital.uncu.edu.ar/13268
building BD-UNCU
institution Biblioteca Digital - SID - Universidad Nacional de Cuyo (UNCuyo)
id BD-UNCU--oai:bdigital.uncu.edu.ar:13268
author Olean-Oliveira, A.
Teixeira, M. S. F
spellingShingle Olean-Oliveira, A.
Teixeira, M. S. F
OXÍGENO
MITOCONDRIAS
SENSOR QUIMIORESISTOR
NANOCOMPÓSITO
CAPACIDADE RESPIRATÓRIA MITOCONDRIAL
Monitoramento do consumo de oxigênio mitocondrial : sensor quimioresistor para oxigênio dissolvido baseado em nanocompósito de azo polímero-grafeno
No presente estudo, foi desenvolvido um sensor impedimétrico baseado em filme polimérico nanocompósito de grafeno com poli-Bismarck Brown Y para analise da capacidade respiratória dos complexos constituintes da cadeia transportadora de elétrons. O filme “mesclado" foi fabricado visando somar as propriedades químicas dos azopolímeros com as qualidades do grafeno. Sua eletrossíntese se deu por técnica de eletropolimerização e suas propriedades físico-químicas e morfológicas investigadas através de espectroscopia de impedância eletroquímica (EIE) e microscopia eletrônica de varredura (MEV), respectivamente. Sua performance frente a molécula de oxigênio dissolvido demonstra uma diminuição dos valores de impedância real (Z’) com o aumento da concentração de oxigênio, revelando um aumento da condutividade eletrônica conferido pela interação química entre os grupos hidrazina do filme e o oxigênio dissolvido. O sensor teve seus parâmetros otimizados, alcançando sensibilidade de 16,9 k cm² L mmol-1, além de boa seletividade e repetibilidade. Por fim, o sensor cronoimpedimetrico foi posto à prova, avaliando o consumo de oxigênio mitocondrial de tecidos de ratos fumantes, exercitados, fumantes exercitados e do grupo controle. O sensor demonstrou sucesso ao ser capaz de analisar a capacidade respiratória dos grupos de animais e demonstrar que o grupo exercitado obteve os maiores valores de respiração ROUTINE, enquanto o grupo fumante teve seus valores significativamente menores comparados ao grupo controle
Fil: Olean-Oliveira, A. . Universidade Estadual Paulista
Fil: Teixeira, M. S. F. Universidade Estadual Paulista
topic OXÍGENO
MITOCONDRIAS
SENSOR QUIMIORESISTOR
NANOCOMPÓSITO
CAPACIDADE RESPIRATÓRIA MITOCONDRIAL
topic_facet OXÍGENO
MITOCONDRIAS
SENSOR QUIMIORESISTOR
NANOCOMPÓSITO
CAPACIDADE RESPIRATÓRIA MITOCONDRIAL
title Monitoramento do consumo de oxigênio mitocondrial : sensor quimioresistor para oxigênio dissolvido baseado em nanocompósito de azo polímero-grafeno
title_full Monitoramento do consumo de oxigênio mitocondrial : sensor quimioresistor para oxigênio dissolvido baseado em nanocompósito de azo polímero-grafeno
title_fullStr Monitoramento do consumo de oxigênio mitocondrial : sensor quimioresistor para oxigênio dissolvido baseado em nanocompósito de azo polímero-grafeno
title_full_unstemmed Monitoramento do consumo de oxigênio mitocondrial : sensor quimioresistor para oxigênio dissolvido baseado em nanocompósito de azo polímero-grafeno
title_short Monitoramento do consumo de oxigênio mitocondrial : sensor quimioresistor para oxigênio dissolvido baseado em nanocompósito de azo polímero-grafeno
contents No presente estudo, foi desenvolvido um sensor impedimétrico baseado em filme polimérico nanocompósito de grafeno com poli-Bismarck Brown Y para analise da capacidade respiratória dos complexos constituintes da cadeia transportadora de elétrons. O filme “mesclado" foi fabricado visando somar as propriedades químicas dos azopolímeros com as qualidades do grafeno. Sua eletrossíntese se deu por técnica de eletropolimerização e suas propriedades físico-químicas e morfológicas investigadas através de espectroscopia de impedância eletroquímica (EIE) e microscopia eletrônica de varredura (MEV), respectivamente. Sua performance frente a molécula de oxigênio dissolvido demonstra uma diminuição dos valores de impedância real (Z’) com o aumento da concentração de oxigênio, revelando um aumento da condutividade eletrônica conferido pela interação química entre os grupos hidrazina do filme e o oxigênio dissolvido. O sensor teve seus parâmetros otimizados, alcançando sensibilidade de 16,9 k cm² L mmol-1, além de boa seletividade e repetibilidade. Por fim, o sensor cronoimpedimetrico foi posto à prova, avaliando o consumo de oxigênio mitocondrial de tecidos de ratos fumantes, exercitados, fumantes exercitados e do grupo controle. O sensor demonstrou sucesso ao ser capaz de analisar a capacidade respiratória dos grupos de animais e demonstrar que o grupo exercitado obteve os maiores valores de respiração ROUTINE, enquanto o grupo fumante teve seus valores significativamente menores comparados ao grupo controle
Fil: Olean-Oliveira, A. . Universidade Estadual Paulista
Fil: Teixeira, M. S. F. Universidade Estadual Paulista
url http://bdigital.uncu.edu.ar/13268
format Documento de conferencia
genre Documento de conferencia
genre_facet Documento de conferencia
era 2018
era_facet 2018
publishDate 2018-10-01
language Castellano
_version_ 1670349098824237056
score 13,179736